Alimentação Saúde & Fitness

A combinação alimentar de fruta ideal

Por mais que todas as frutas tenham grandes qualidade nutricionais, nem todas combinam. A combinação alimentar de fruta não é uma questão pessoal, o melão adora a banana, é mais uma questão estrutural mesmo. Pela diferença de água, açúcar, gordura e outros aspectos de sua composição, a maneira como nosso organismo reage a cada fruta é diferente. E para otimizar a nossa digestão e a absorção dos nutrientes, é importante saber quais frutas combinam entre si. Seja para uma salada de frutas no café da manhã, incrementar o seu prato de vegetais no almoço ou, então, fazer um suco.

Fique por dentro dos posts sobre alimentação! ♥

Combinação alimentar é um tema complexo e, por isso, resolvi estudar a combinação alimentar de fruta por partes. Muito do que eu aprendi foi assistindo dois canais no Youtube incríveis: o Fully Raw Kristina e a Rawvana. Vale a pena dar uma olhada se você consegue entender o básico de inglês! Mas chega de blábláblá e vamos entender melhor toda essa história que separou o melão da banana e o abacaxi do mamão.

Melão e melancia (hídricas): por serem as frutas mais suculentas e cheias de água (cerca de 90%), a sua digestão é muito rápida. Dessa maneira, é melhor comê-las sozinhas. Mas você também pode combiná-las com saladas verdes e frutas ácidas.

Frutas ácidas (kiwi, laranja, acerola, toranja, abacaxi, morango, etc): combinam entre si, com outras frutas sub-ácidas e oleaginosas. Além disso, como a maioria das frutas, ficam bem com saladas ou em sucos verdes. Prefira, no entanto, comê-las antes ou com os vegetais para evitar a fermentação e acidificação no estômago.

Frutas sub-ácidas (maça, goiaba, pera, carambola, maracujá, manga, pêssego, etc): são o meio termo, nem tão doces, nem tão ácidas, e, logo, combinam com frutas ácidas, doces e vegetais. Mas, assim como dito anteriormente, prefira ingeri-las antes da salada para dar-lhes o tempo necessário da digestão, evitando gases e dores no estômago.

Frutas doces (bananas, figos, mamão – dependendo de quão maduro está –, tâmara, etc): apesar de deliciosas, elas combinam apenas com as sub-ácidas e deixam as frutas ácidas de lado pela diferença de água.

Frutas oleaginosas (coco, abacate, sementes e nuts – castanha, nozes, avelã): essa seção, representando a gordura saudável, combinará bem com frutas ácidas e vegetais.

Todos as observações relativas a combinação alimentar de fruta referem-se à uma refeição crua.

Lembrando que isso não é uma regra. Nada te impede de fazer um suco com banana e laranja. Teste e conheça o seu corpo. Comigo, por exemplo, não funciona misturar frutas ácidas com doces. Mas o primeiro passo para uma alimentação equilibrada é saber quais são as suas necessidades e entender as respostas do seu organismo. Essas são só dicas, baseadas nas características das frutas, para melhorar o processo digestivo.

Você já sabia que as frutas sub-ácidas são as mais amigáveis por se darem bem com os outros tipos? Comenta aqui embaixo as suas opiniões sobre o assunto ou outras informações legais! 🙂


Meninas! A belíssima (e talentosíssima!) Dani Silva acabou de lançar uma Masterclass de Makeup, com os métodos de maquiagem pessoais que ela vem usando profissionalmente. Confira a mensagem que ela tem para você no vídeo e, de seguida, clique no botão abaixo para aceder ao curso. Eu já estou inscrita e RECOMENDO MUITO!
video

Sem Comentários

Deixe um comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Share This